face de david- michelangelo

face de david- michelangelo
A face seca cede à curiosidade que entorpece os sentidos, focando o vívido olhar ao longe até se perder nas brumas de seus pensamentos distantes

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Aos Meus Amigos

Não importa tempo,
distancia ou o vento,
ela segue...
segue na alma,
com força e intensidade...
caminhando na cidade vejo pedaços de amigos...
não importa quais sejam,
estão em flores,
em bosques,
em sorrisos...

Amigo...
palavra indizivel para valor tal,
mesmo que o tempo interfira,
os momentos ainda estão vividos,
isso é real...

Amigo...
algo feito de uma ironia do destino,
não me importa,
te chamo de amigo,
de minha vida abro-lhe a porta

O mundo seria cheio,
teria felicidade e amor,
teria mais sentimento,
menos lamento...
menos dor,
o amigo traz a ti,
um pouco mais de calor,
e nas noites frias dirá...
um amigo me acalmou,
lagrimas colheu,
ou dele brotou...
amigo de longe ou de perto,
uma coisa sei ao certo,
amigos tenho,
não contesto.

Amigos que lembram a brisa,
corujas ou fogo,
amigos que brincam sem medo,
amigos pela boca e amigos por dedos,
amigos...
um dos meus melhores frascos,
guardados com carinho em mim,
minha essencia de vida.
amigos...


David Weydson

3 comentários:

  1. noooooooossa,
    muito lindo
    palavras fortes !

    ResponderExcluir
  2. Que lindo... *------*
    Amigos... Nem tenho o que dizer, são como se fossem órgãos meus não fico sem eles... ♥

    ResponderExcluir