face de david- michelangelo

face de david- michelangelo
A face seca cede à curiosidade que entorpece os sentidos, focando o vívido olhar ao longe até se perder nas brumas de seus pensamentos distantes

sábado, 27 de novembro de 2010

Vivace


Ele voltou a tocar,
lembrou da pessoa que ele antes matara,
matara a si mesmo e a seu passado,
seus olhos ficaram em tom de sépia,
o passado correu sobre seus vidros...

Sua boca ja não era a mesma,
seus dedos agora tinham outra função...
passava horas aperfeiçoando seu som.

O cenário era lindo,
seu quarto escuro,
o som enchendo a casa vazia,
e o luar alumia as chaves de seu outro braço...
A cor era linda...
Ele sentiu vontade de chorar,
lembrou dos aplausos,
da luz quente a lhe iluminar,
dos movimentos do corpo junto a musica,
eram como ondas...

Ele voltou a vida...
Ele sentiu o arrepio e seus olhos se encheram de lágrimas...
Ele sentiu o seu folego de vida voltar...
O elemento que ele tanto usa,
o ar...
...O ar fez musica denovo...

E ele começou de maneira insana a explodir,
no alge de sua inspiração...
vamos todos ao seu movimento Vivace...
Mergulhem no Fortissimo...
Vamos Vamos...
FFF

Silencio Subto
quero ouvir as lágrimas caírem...
quero ouvir o ar correr sem falar,

E ele renasceu...
Lembrou do Renascimento,
lembrou de Brahms,
de Stravinsky,
Lembrou que ele ainda Existe...
E que ele é parte disso...
Não mais terá tédio,
pois ele terá música.
E tudo acabou em Dali.
( Explodi )


David Weydson

Nenhum comentário:

Postar um comentário