face de david- michelangelo

face de david- michelangelo
A face seca cede à curiosidade que entorpece os sentidos, focando o vívido olhar ao longe até se perder nas brumas de seus pensamentos distantes

domingo, 12 de dezembro de 2010

. . . Op I


As vozes gritam aos meus ouvidos,
com tantas frequências,
um audível inaldível...

As respostas,
questionamentos e memórias...
calculos de tudo querendo acertar.
Seria mais facil se não fosse a dor a me acompanhar...

Digo pois ora sou anjo,
ora tenho espanto,
ando de canto em canto,
meu feroz abrando...

Não sei mais como respiro,
faço tudo por costume,
meu olho não mais relume,
não me importa mais o perfume...

Queria deixar de estar assim...
queria tantas coisas...
acho que só o alcool mesmo para me domar,
me tirar dos pensamentos,
e que eu deixe num mar...
o mar do esquecimento de minha alma esquecida,
que venha a sair da sina,
ou pelo menos...
me esquecer dela.


David Weydson

Nenhum comentário:

Postar um comentário