face de david- michelangelo

face de david- michelangelo
A face seca cede à curiosidade que entorpece os sentidos, focando o vívido olhar ao longe até se perder nas brumas de seus pensamentos distantes

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Ácido

O mal de pensar muito é que toda virgula vira o silêncio de um ponto final,
e o que antes não era visível,
se torna possível por tanto pensar.

Espero que tudo seja menos racional...
para não me levar a cristalizar,
não ter estalactites em minhas faces pesar...

Com o tempo e bem lento tudo se ajeita,
mas ainda no fundo se queixa do não considerar...

Palavras são facas,
é o jeito que eu sei cortar,
de resto não adianta,
mata e lança feitiços no ar...

Só no encanto vejo amianto que faz minha rigidez envenenar,
somente com o tempo, silêncio, que tudo vai voltar ao lugar.

Sou extremo,
maldito e cuspido,
sem tino vou a noite a atravessar...

Malditas palavras,
que são ditas largas,
pra machucar.

Se falo e lamento é porque da dor também provei,
e sofrendo terei que sorrir e mentir,
pra prezar algo que da firmeza não sei.


David Weydson

Nenhum comentário:

Postar um comentário