face de david- michelangelo

face de david- michelangelo
A face seca cede à curiosidade que entorpece os sentidos, focando o vívido olhar ao longe até se perder nas brumas de seus pensamentos distantes

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Paternal

Oi...
bem vindo ao mundo,
gostaria que ele fosse um lugar melhor,
e te recebesse sorrindo,
mas saiba que durante muitos anos,
eu serei o seu mundo.
Te ensinarei tudo o que sei,
ou pelo menos o que você quiser aprender...


Falar, correr, brincar...
farei o possível para te proteger.
Sei que muitas vezes não poderei estar junto a ti,
mas saiba que em ti sempre vivo.
Querido filho...


Virão dias em que ficarei preocupado com sua chegada,
e você me esquecerá,
e depois muito tarde chegará com cara de arrependido,
mas o que me domina é o alívio de ver meu filho em paz.


Sabe...
a vida vai ensinar o que não quero falar,
a dor é ruim mas gostaria dela te privar.
Contarei os dias escuros e vazios que tive,
para quem sabe te motivar,
mas para tí será apenas um sermão chato,
monotono e repetitivo,
pois seu pai ja é de idade,
esquece com frequência muitas coisas...


Depois ficarei um pouco mais lento,
enquanto o mundo todo mudar,
eu já ficarei mais e mais esquecido,
deixado de lado, quando se entregar às paixões adolecentes...

Depois irei embora,
para um lugar que ainda não conheço onde é,
só conheço a dor da perca,
e infelizmente isso é passado por eras.

Você ficará mais homem,
mais seco e sem razão para continuar
até um doce e meigo filho lhe brotar,
e fazer renascer o sorriso no rosto,
viverá só para o ver crescer,
e essa benção repetir,
seguir e consumar.


Abraços do seu Papai e velho amigo.
Minha ultima lembrança foi contigo,
sorrindo...


E a alma foi indo...
fugindo pra outro lugar.




David Weydson

Nenhum comentário:

Postar um comentário