face de david- michelangelo

face de david- michelangelo
A face seca cede à curiosidade que entorpece os sentidos, focando o vívido olhar ao longe até se perder nas brumas de seus pensamentos distantes

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Especiarias

Tua pele acanelada banhada de sol,
exalando amêndoas doces,
olhos de cravos e pimentas do reino,
piladas por devaneios.

Quando os lábios descolam sopram respiros do tempero,
deixando acentuado o ardido beijo,
lembrando a alma seu macio desejo,
arqueando a essência vertendo-a em lampejos.

A gota cai em abismo,
limão espremido,
folha colhida de sálvia macia...
alecrim e tomilho,
manjericão de estrada...

Flores brancas,
cheiro morno e abelhas dançando,
espera no teu canto,
é chegada a hora.

As borbulhas extrapolam o limite antes tido,
o frescor das folhas ascende o cheiro num grito sentido,
rasgando o ar ungindo as mãos,
o vapor lhe beija a face,
numa mexida final e dosada,
o sal acertado e a boca sedenta.

O gosto é antes provado aos cheiros,
a concha margeia o mar temperado,
resgata o que era fumaça futura,
antecede o pleno um breve trago.



David Weydson

Nenhum comentário:

Postar um comentário